47 3371.2340

47 3275.2215

Emergência

47 98462.7342

47 99274.6781

Notícias

Hiperplasia Mamária Felina

28/08/2020

A hiperplasia mamária felina é uma doença que resulta de um crescimento exagerado e rápido das mamas das gatas e está relacionada com as taxas hormonais aumentadas de progesterona. Pode ser provocada por administração de contraceptivos (anticoncepcionais) ou por uma produção exagerada do hormônio no organismo. Tem maior incidência em gatas jovens logo após o primeiro cio, em gatas que são medicadas com contraceptivos ou em animais em início de gestação. As gatas afetadas apresentam aumento de volume mamário, que pode se manifestar somente em uma mama ou em toda a cadeia mamária. As mamas afetadas também podem apresentar aumento de volume desigual. Podem ainda manifestar desconforto, dificuldades de locomoção e úlceras de pele na região das mamas. O diagnóstico é realizado através dos sintomas, exame físico e, em alguns casos, exames complementares. A castração é sempre recomendada, pois a esterilização retira o estímulo dos hormônios endógenos, ou seja, hormônios produzidos pelo próprio organismo, e evita o uso de contraceptivos. Apesar de a doença ter um bom prognóstico, quanto mais cedo for diagnosticada mais simples será o tratamento e mais rápido será restabelecido o conforto do animal.

 


 

Dra. Daniela Brecht – Clínica Médica e Dermatologia de Pequenos Animais – HOVET Amizade

Voltar